segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Documentos ligam Hugo Chávez ás FARC


Venezuela ainda apoia Farc, revela documento




The New York Times


Apesar das constantes negativas do presidente Hugo Chávez, autoridades venezuelanas continuaram auxiliando os comandantes das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), ajudando-os a comprar armas na Venezuela e a obter documentos para se movimentar sem problemas em solo venezuelano. É o que indica um material apreendido em computadores dos rebeldes que está sendo examinado por agências de inteligência ocidentais.


Segundo os dados, os guerrilheiros ainda mantinham há algumas semanas uma estreita colaboração com membros do alto escalão do Exército e da inteligência venezuelanos, contrariando as frequentes declarações de Chávez de que seu governo não apoia as Farc. "Nós não os protegemos", afirmou o venezuelano no mês passado.


Essas novas provas vêm à tona em um momento de grande tensão entre Venezuela e Colômbia. Chávez congelou as relações diplomáticas com seu vizinho no final de julho, irritado com afirmações de Bogotá de que lança-foguetes suecos vendidos a Caracas foram parar nas mãos das Farc. A reação de Caracas também foi impelida por planos da Colômbia de aumentar o número de soldados americanos em seu território.


Um comentário:

WORF NETO disse...

Tem mais um Prêmio Virtual para você no meu Blog.
http://resistenciaeliberdade.blogs.sapo.pt/319961.html

Um forte abraço!